Desenvolvido por

 

 

logocmmais.png

Gelato, sorbetto ou sorvete? Você sabe a diferença?

15.09.2017

Nos dias quentes (mas também durante o inverno), o sorvete é uma das sobremesas mais famosas e consumidas no mundo inteiro. A moda das sorveterias, gelaterias e os sorbets nos cardápios dos restaurantes refinados está em alta em São Paulo. No entanto, pouca gente sabe que estas três denominações não são apenas diferentes nomes para o sorvete, e sim produtos bem distintos. Quem nos ajuda a entender essa diferença é Alexandre Martins, Diretor Industrial da Ofner, rede que oferece gelatos e sorbettos em seu cardápio.

 

 

A denominação é dada de acordo com a composição, se feito com leite, água, quantidade de gordura e origem. O gelato e o sorbetto, por exemplo, são mais refrescantes, saborosas e até mais saudáveis, já que são feitos sem nenhum aromatizante, conservante ou corante artificial.

 

"Os gelatos italianos são famosos por possuírem um sabor típico, fresco, agradável e delicado; ter textura definida e macia, além de cor natural; derreter lentamente em forma de líquido com a aparência da mistura original (sem separações de fase) e ter minúsculos cristais de gelo agradáveis ao paladar", explica Alexandre Martins.  “Eles devem ser servidos entre -12 °C e -14 °C, a ponto de não afetar as papilas gustativas e realçar a sensação do paladar. A versão que produzimos na Ofner é cuidadosamente feita com leite, creme de leite fresco e açúcar orgânico”.

 

Já o sorbetto é 100% natural, feito à base de água e sem gordura adicionada, porém não menos saboroso. “A preparação realça os sabores dos ingredientes, sem a intervenção do leite. É uma ótima opção para os que não consomem produtos de origem animal, como os veganos, e também para os intolerantes a lactose, por exemplo”, afirma o Diretor Industrial da Ofner.  

O sorvete tradicional é feito à base de leite, corantes e aromatizantes, tornando a opção mais calórica e gordurosa. São armazenados a -20°C, muitas vezes impedindo que o sabor seja 100% absorvido pelo paladar, e por conter 50% mais gordura e ar incorporado, na maioria das vezes, some na boca como uma espuma.

 

Mas não são apenas os ingredientes que diferencial estes produtos em qualidade, também todas as etapas de fabricação, desde a seleção de ingredientes premium, até a técnica escolhida, como a italiana, sem nenhum aromatizante, conservante ou corante artificiais. Além disso, a temperatura em que os produtos são expostos, e as características de derretimento, quantidade de ar incorporado e integridade nutricional.

 

Deu uma vontade de sair correndo para a gelateria mais próxima, não é? Ou seria sorveteria? Enfim, escolha o que mais te agrada, o importante nesses dias quentes que têm feito na cidade é se refrescar.

 

Foto: Banco de imagens gratuito do Pixabay.

 

Please reload

Please reload

Outras notícias