Desenvolvido por

 

 

logocmmais.png

Exposição de papercutting da artista Ariádne inspira-se no prazer feminino

12.12.2017

Exposição "Prazerosa", da artista Ariádne, exaltam o desfrute fluido entre os corpos, mas o erótico não encerra a esfera do prazer feminino. São todos atos de expressão pessoal, de reconhecimento de potência, e acabam por suscitar as noções de cuidado e de respeito por si. A mostra tem início nesta quinta-feira (14), das 18h às 23h, na Galeria PONDER70.

 

 

Em sua exposição individual, Ariádine Menezes adota a técnica conhecida como Papercutting ou Kiriê, de cortes meditativa e minuciosamente realizados sobre uma única folha de papel. Um deslize em um detalhe e pode ser o fim. A fragilidade do papel, longe de assustar a artista, traz, pelo contrário, importância ao corte. O próprio mergulho na ação do estilete sobre o papel também é deleite, na exploração de padrões artesanais vindos de tradições orientais. Após o sucesso da exposição inaugural de que foi co-curadorada na Japan House, entre abril e julho últimos, a curadora Thais Gurgel propõe um encerramento de ano dedicado à conexão com o momento presente.

 

No vídeo abaixo é possível acompanhar como é feito o delicado trabalho em papercutting de Ariádine:

 

 

Serviço

Exposição "Prazerosa", de Ariádine
Abertura: quinta-feira, 14 de dezembro de 2017, 18h-23h.

Local: Galeria PONDER70

Endereço: Travessa Ponder, 70 - Paraíso - São Paulo (nas imediações do viaduto Tutóia)

De 15 de dezembro de 2017 a 25 de janeiro de 2018
Visitação gratuita e por agendamento, pelo e-mail ponder70@ponder70.com

 

Fotos: Divulgação.

Please reload

Please reload

Outras notícias